segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Tag - Cachorros Literarios

Fala pessoal, a quanto tempo que eu não faço uma tag?  Porém, quando estava vendo alguns vídeos no YouTube, vejo a tag "Cachorros literarios" no canal "ratos letrados" links no final do post.


A tag foi criada pela (esqueci o nome dela) do canal (esqueci o nome),

Eu gostei muito da tag, pois mistura cachorros com livros! E eu gosto muito de cachorros, e juntar esses dois aspectos da minha vida foi genial.

A tag consiste em dar um livro para cada cão. E sem mais delongas vamos tag!


Shi Tzu - Um livro que você leu porque estava na moda.



Um dos principais motivos para eu ter comprado e lido o livro "A culpa é das estrelas" foi pelo tamanho de percussão que ele tinha tomado entre as redes sociais blogueiros/vlogueiros. 

Nessa época, se eu não me engano, o blog ainda não existia. E eu não pensava nem nessa possibilidade, acho.

No final das contas eu li e gostei do livro, porém, não é um dos meu preferidos.



Pit Bull - Um livro que você ainda não leu ou demorou pra ler porque estava intimidado pela leitura.


Eu não fiquei intimidado pela leitura... Eu fiquei intimidado pelo tamanho.

O livro é grande, as letras são minusculas e é RICO em detalhes.

Eu não sou o único MUITAS pessoas desistem de ler pelo tamanho ou param no meio da leitura.

Mas no final, valeu muito a pena. 




Pinscher - Um livro que fizeram 'barulho demais' quando foi lançado, mas que não fez jus aos comentários.



Não foi um livro que fez muito ''barulho", porém, parecia que toda vez que eu entrava no Twitter tinha alguém falando que era muito bom, quem sabe foi por isso que hoje já não frequento muito o Twitter... Mas enfim, eu li e definitivamente eu não gosto.

Eu tanto não gostei que o "universo" desapareceu com ele? Nunca mais vi ele e nenhum lugar e não me preocupo em procurar.



Vira Lata - Um livro que não é muito valorizado ou conhecido, mas que é o melhor livro do mundo.


É claro que Tom Sawyer é um livro bem conhecido, porém eu vejo muitas poucas pessoas falando bem dele, ou apenas falando. Faz tempo que não vejo uma resenha também.

Eu acho que mais pessoas deveriam reconhecer e admirar essa grande obra da literatura mundial.

Então, fica a dica, leia Tom Sawyer.




Pastor - Um livro que você não empresta pra ninguém




DON'T. Não! Se você me pedir esse livro emprestado pode se preparar para o maior não que ira receber em toda a sua vida, possivelmente.

Esse livro é um dos meus favoritos, porém tem algo que faz dele o meu PRECIOSO.

Então, nunca me peça esse livro em 
especial emprestado.



Salsichinha - Um livro que tem 'muito corpo, pra pouco perna', ou seja, que poderia ter sido encurtado pela metade, porque tem muita encheção de linguiça.


 Não necessariamente ter sido cortado pela metade, porém o livro tem várias partes que simplesmente poderiam ser cortadas!

Esse é meu livro favorito, porém eu reconheço que algumas partes poderiam ter sido tiradas do livro.

John Green se concentrou muito no "depois", mas na minha opinião o "depois" foi grande parte chata.



Labrador - Um livro que é sua melhor lembrança da infância.





Marley e Eu, tem tudo a ver com essa categoria. Primeiro, que o Marley protagonista da história é um labrador. Segundo que esse foi o primeiro livro que eu realmente li, e isso marcou minha infância e vida.

O livro me da uma grande sensação de Nostalgia, que me lembra de como eu era tempos atrás... 



Então foi isso pessoal, espero que tenham gostado, quem quiser fazer pode se sentir a vontade :).

link do video do Ratos letrados.


Link do canal da criadora.

Link do video da tag.